CRÍTICAS ESTREIAS

Comboio de Sal e Açúcar: Momento histórico

Representante de Moçambique no Oscar 2018, Comboio de Sal e Açúcar é a adaptação da obra do brasileiro Licínio Azevedo, dirigida pelo próprio – ele é radicado em Moçambique desde 1975.

O filme se passa em plena guerra civil, na década de 1980, quando um trem atravessa uma perigosa zona de conflito. A viagem é a única esperança para centenas de pessoas dispostas a se arriscar para garantir sua subsistência, indo trocar sal por açúcar no país vizinho, Malawi.

Apesar do ritmo lento, os personagens são cativantes e o diretor recria com concisão um importante momento histórico daquele país.

Publicidade

Deixe o seu Comentário