CRÍTICAS ESTREIAS

Estreias para todos os gostos

EL AMPARO

Vencedor dos prêmios de melhor filme e roteiro na Mostra SP 2017, El Amparo é o indicado da Venezuela para concorrer ao Goya de melhor filme estrangeiro. A história real aconteceu em 1988. Um grupo de 14 pescadores da pequena El Amparo sai pelo Rio Arauca e só dois retornam. O exército venezuelano os acusa de serem guerrilheiros e alega que os outros morreram no confronto. Verdade ou mentira?A questão aqui é de poder. De um lado, o governo impondo todo tipo de pressão para a dupla se assumir culpada, de outro, um povo sofrido e a dignidade dos sobreviventes em dizer apenas a verdade.

COMO SE TORNAR O PIOR ALUNO DA ESCOLA

Inspirada no livro homônimo de Danilo Gentili, essa comédia ultra politicamente incorreta é um caldeirão de referências do cinema hollywoodiano. Com pinta de Arthur, O Milionário Sedutor, o personagem de Gentili é procurado por dois alunos da escola de onde ele foi expulso quando criança. Um deles precisa tirar mais 10 em matemática para não bombar e quer dicas para colar na prova. Obviamente, vai aprender muito mais do que isso e geral o caos: explosão de privada, gemido no hino nacional, escatologia …. É uma aula de mau comportamento, mas a garotada (especialmente os meninos) vai rir muito.

A MENINA ÍNDIGO

Para a parapsicologia, crianças índigo formam uma nova geração de seres mais evoluídos e sensíveis, cuja missão é alinhar o planeta e os humanos com o bem. Sofia, a protagonista desse drama familiar do mesmo diretor de Nosso Lar, Wagner de Assis, não só tem compaixão pelo outro como seu toque tem o poder da cura. Artista plástica nata, ela pinta como Jackson Pollock e vive no mundo da lua. Seu jeitinho lhe causa problema na escola e a trama basicamente examina como os pais (Murilo Rosa e Fernanda Machado) e os avós (Paulo Figueiredo e Xuxa Lopes) lidam com a questão. Bonitinho, mas açucarado demais.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Publicidade

Deixe o seu Comentário