CRÍTICAS ESTREIAS

Teu Mundo Não Cabe Nos Meus Olho: Cegueira desejada

Al Pacino ganhou o Oscar pelo cego de Perfume de Mulher (1992), Patty Duke levou a estatueta de coadjuvante pela cega e surda de O Milagre de Anne Sullivan (1962) e Audrey Hepburn foi indicada pela cega de Um Clarão nas Trevas (1967). São inúmeros os filmes sobre o tema e há pouco estreou Por Trás dos Seus Olhos, em que a personagem de Blake Lively passa por uma cirurgia e recobra a visão.

O voltar a ver também está no centro do nacional Teu Mundo Não Cabe nos Meus Olhos, pois ambos ficaram cegos na infância. O diretor Paulo Nascimento (A Oeste do Fim do Mundo) reúne Edson Celulari e Leonardo Machado como o cego pizzaiolo Vitório e seu assistente Cleomar. Dono da pizzaria no Bixiga, em São Paulo, Vitório é casado com a argentina Clarisse (Soledad Villamil, de O Segredo dos Teus Olhos).

É o pai dela que mexe os pauzinhos para a operação. Só que Vitório está adaptado, feliz e o desejo de continuar assim gera conflito na família. É raro dizer que um filme é curto, mas nesse caso o enredo é atropelado e as relações ficam na superfície. Nem no primeiro contato visual com a esposa e a filha ele comenta o que vê. Até onde vai o egoísmo e qual o limite da compreensão? Havia muito a se explorar.

Publicidade

Deixe o seu Comentário