FESTIVAIS NOTÍCIAS

Festival de Gramado comemora edição 2017 e já fala em 2018

festival-de-gramado-2017-curadores

A maratona de exibições, entrevistas e debates do 45º Festival de Gramado mal acabou e os organizadores (acima) já falam da edição 2018. Segundo eles, a edição comemorativa de 45 anos foi positiva, apresentando crescimento de público nas sessões noturnas, que ocorrem no tradicional Palácio dos Festivais. Ao todo, foram mais de 100 obras exibidas e nove noites de competição nacional e latina.

O curador Marcos Santuário (primeiro, acima, da esquerda para direita) também comemora o resultado não só da competição como também das mostras paralelas. “Revendo a programação, vemos a amplitude de países participantes: tivemos filmes da Itália, da Argélia, do Canadá…”, lembrou ele. “A sala esteve sempre cheia e em algumas noites os ingressos esgotaram antes do meio-dia”, celebrou o presidente da Gramadotur, Edson Néspolo (acima, de preto), que também destacou o acerto de ter um país, no caso o Canadá, como homenageado. O executivo também destacou o Gramado Film Market – Conexões, “que teve muita participação de pessoas interessadas e proporcionou uma grande troca de conhecimentos”.

o-matador-marcelo-galvao-netflix-2017

O Matador (2017), de Marcelo Galvão

Festival de Gramado 2018
Programado para acontecer entre os dias 16 e 25 de agosto do ano que vem, o 46ª Festival de Cinema de Gramado já está na pauta dos curadores Marcos Santuário, Eva Piwowarski (acima) e Rubens Ewald Filho (acima, camisa vermelha). Enquanto ela ressalta a importância do acesso ao mercado por parte dos filmes latino-americanos, “um desafio para o ano 46”, disse, Ewald salienta a relevância de permanecer antenado com as tendências mercadológicas, como fizeram com a presença na seleção do filme produzido pela Netflix O Matador, que que acabou conquistando dois Kikitos.

Confira outras PUBLICAÇÕES – FESTIVAL DE GRAMADO 2017

Publicidade

Deixe o seu Comentário