Série B: Dirigente não garante permanência de técnico no CSA


Série B: Dirigente não garante permanência de técnico no CSA

Alberto Valentim chegou no mês passado e só tem uma vitória em nove jogos

Com apenas uma vitória em nove jogos, Alberto Valentim não teve a permanência garantida pelo diretor de futebol Raimundo Tavares

Categorias: Futebol Brasil

Por: Agência Futebol Interior, 31/07/2022

Alberto Valentim balança no cargo (Foto: Divulgação/CSA)

Maceió, AL, 31 (AFI) – A derrota sofrida para o Ituano, por 3 a 1, em pleno Rei Pelé, na noite do último domingo, pode ter sido a última partida de Alberto Valentim no comando do CSA.

Uma reunião neste domingo vai definir o futuro do treinador, que tem pouco mais de um mês de trabalho. Contratado para o lugar de Mozart, Alberto Valentim tem quatro empates, quatro derrotas e apenas uma vitória.

“Não posso dizer que sim ou que não. A gente vai ter uma conversa com mais profundidade com o técnico. Ele é um treinador experiente, qualificado, mas o futebol tem números e não posso dizer que os números são bons”, disse o diretor de futebol Raimundo Tavares ao ge.

A culpa pela péssima campanha do CSA na Série B do Brasileiro, porém, não é apenas da atual e da antiga comissão técnica. E Raimundo Tavares sabe disso, tanto que cobrou os jogadores ainda no vestiário.

“A gente não pode disputar a Série B com essa passividade que a gente viu hoje. Não dá para concordar com isso. Tivemos uma conversa hoje no vestiário. Não podemos dizer que já estamos rebaixados, jogar a toalha. Vou lutar com todas as forças para tirar o CSA dessa situação”, prometeu o dirigente azulino.

Na zona de rebaixamento da Série B, em 17º lugar, com 20 pontos, o Azulão do Mutange não ganha há três jogos e volta a campo só no sábado, contra o Bahia, às 16h30, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 22ª rodada.

Confira também:

Fonte: www.futebolinterior.com.br/serie-b-dirigente-nao-garante-permanencia-de-tecnico-no-csa

Admin