Moradores comemoram construção de nova unidade e reforma de Complexo de Saúde aguardadas há mais de 30 anos – CGNotícias

Os moradores do Aero Rancho e do Parati, na região Anhanduzinho, têm motivos de sobra para comemorar: após mais de 30 anos de espera, foram assinadas na manhã desta quarta-feira (12) as ordens de serviço para a tão aguardada reforma e ampliação do Complexo de Saúde do Aero Rancho, além da construção da nova Unidade de Saúde da Família (USF) Parati. A iniciativa promete transformar a assistência à saúde na região, beneficiando centenas de milhares de pessoas com estruturas modernas e serviços ampliados.

“Hoje é uma manhã muito especial para Campo Grande e, em particular, para a grande região do Anhanduizinho. Este é um momento de celebração e esperança, pois estamos dando início a uma obra esperada há mais de 30 anos pelos moradores”, destacou a prefeita Adriane Lopes.

Ela destacou os desafios de revitalizar um Complexo de Saúde enquanto mantém o atendimento à população. “Sei que não será fácil revitalizar todo um complexo como este enquanto se mantém o atendimento, mas não podemos parar. A cidade cresceu e os serviços precisam acompanhar esse crescimento. A Prefeitura tem trabalhado com planejamento”, enfatizou.

Para o líder comunitário Dega Nabhan, a reforma do Complexo de Saúde representa uma conquista para a comunidade. “Estamos finalmente vendo a realização de um sonho. As melhorias na saúde pública que estamos testemunhando não são apenas necessárias; elas são vitais para o bem-estar de todos os moradores do Aero Rancho e das regiões vizinhas. As obras representam muito mais do que concreto e tijolos, elas significam atendimento digno, agilidade nos serviços, e, acima de tudo, respeito à nossa população. Por anos, lutamos e esperamos por esse momento, e ver a assinatura das ordens de serviço hoje é a prova de que nossa voz está sendo ouvida”, comenta.

“Este é um passo gigante rumo a uma saúde pública mais eficiente e humanizada, que com certeza trará mais qualidade de vida para todos nós”, completou a gerente administrativa da USF Aero Rancho, Ana Paula de Carvalho Silva.

O casal Cesário Alves de Oliveira, 75 anos, e Antônia Gonçalves Vieira, 67 anos, não conteram a emoção ao verem a tão esperada construção da USF Parati finalmente caminhar para sair do papel. Cesário, que mora no Alto da Boa Vista há 22 anos, lembra com clareza as inúmeras promessas feitas, todas sem resultado. “Graças a Deus, está dando tudo certo e vai dar ainda mais. Vendo agora que nossa unidade finalmente vai ser construção. É uma alegria muito grande, não só para mim, mas para toda a família e a comunidade. É a realização de um sonho de décadas, um marco de progresso e cuidado para todos nós”, diz.

Antônia, compartilhando da mesma felicidade, acrescenta: “Essa obra não é só uma conquista para nós, mas para toda a comunidade. Ver esse sonho se realizar depois de tantos anos é uma emoção indescritível. Traz esperança e melhores condições de saúde para toda a região.”

A coordenadora da mesa diretora do Conselho Municipal de Saúde de Campo Grande, a conselheira Leonice Alves de Alves, ressaltou a importância do Conselho Local para a realização da obra. “Essa assinatura de hoje é a prova de que o Conselho Local funciona e o Conselho de Saúde é deliberativo e nós precisamos nos fortalecer enquanto comunidade para reivindicar o que é preciso. Assim, teremos dias como o de hoje para comemorar nossas conquistas”.

“Hoje, é uma honra estar aqui assinando a ordem de serviço para a construção deste complexo de saúde, que incluirá a USF, CRS, CAPS, e a base do SAMU. Já realizamos algumas melhorias, mas ainda há muito a ser feito. Esta obra, licitada com recursos dedicados, atenderá às expectativas da população, não só da região do Anhanduizinho, mas de todo o Aero Rancho. Quero deixar uma mensagem: acreditem no impossível. Nós, profissionais da saúde, juntamente com o Conselho Local, temos a responsabilidade de garantir a saúde da população. A gestão é participativa e ouve a voz da população. Esta obra é um esforço conjunto para melhorar os processos e garantir saúde de qualidade para a região. Queremos que este local seja referência em estrutura e atendimento”, ressaltou a secretária municipal de Saúde, Rosana Leite.

O Complexo de Saúde do Aero Rancho é composto pelo Centro Regional de Saúde 24h (CRS), Unidade de Saúde da Família (USF) e o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS). Estas unidades atendem a uma população de mais de 100 mil pessoas. Além destas estruturas, a base do Serviço Móvel de Urgência (SAMU) também receberá melhorias.

A reforma será realizada pela empresa MS Construções e Gerenciamento de Obras, com investimento estimado em aproximadamente R$ 4,4 milhões. O projeto prevê melhorias abrangentes em toda a estrutura física, incluindo pintura interna e externa, adequações nas redes elétrica e hidráulica, revisão do telhado, calhas e rufos, além da ampliação de consultórios e a substituição de mobiliários e equipamentos danificados.

USF Parati

Ainda durante a manhã, foi assinada a ordem de serviço para início da execução das obras de construção da USF Parati. A unidade será instalada na rua Bilac Pinto, entre as rua da Doçura, Rua Pontes de Miranda e Av. Gabriel Spipe Calarge, e tem como objetivo atender mais de 16 mil pessoas, incluindo a população que atualmente está na área de cobertura da USF Nova Esperança.

Moradora da região há mais de 40 anos, a aposentada Francisca Gunter, 62 anos, recebeu a notícia com muita alegria. “É um sonho que está se tornando realidade. Há décadas que a gente luta para que essa unidade saia do papel. É realmente uma alegria muito grande para nós, pois agora finalmente teremos a nossa unidade”, diz.

No dia 27 de maio foi publicado em Diário Oficial a assinatura do contrato, onde já está aprovado o projeto arquitetônico. Conforme a publicação, a empresa COPLAN Construção, Planejamento, Indústria e Comércio LTDA ficará responsável pela construção da unidade. O investimento previsto é de aproximadamente R$ 3,1 milhões.  A previsão é de que as obras sejam iniciadas em 90 dias e o prazo de execução é de até 540 dias.  Em funcionamento, a unidade contribuirá para desafogar o atendimento em outras USFs da região, além de proporcionar uma estrutura mais adequada aos servidores e à população.

Melhorias

No último ano, a Prefeitura de Campo Grande iniciou uma força-tarefa para revitalizar e reformar as unidades de saúde do município. Já foram revitalizadas diversas unidades, como a USF Aero Rancho IV, USF Arnaldo Estevão de Figueiredo, USF Jockey Club, UBS Popular, USF Marabá, USF Parque do Sol e o Complexo de Saúde Nova Bahia, integrado pela USF Nova Bahia, CRS Nova Bahia, CEO Nova Bahia, base descentralizada do SAMU e o Distrito Sanitário Prosa, Centro de Saúde do Homem, no Bairro Coronel Antonino e a USF Cidade Morena.

Outras revitalizações e reformas estão em andamento na  UPA Vila Almeida, USF Los Angeles, CEO Cidade Morena, CEO  e USF Silvia Regina e os processos para a melhoria das USFs Itamaracá, Paulo Coelho Machado e Vila Cox, além da UPA Santa Mônica, já foram iniciados.

Sem categoria